Padroeiro



Sagrado Coração de Jesus

Recados

Seja Dizimista

Visitantes

sábado, 26 de novembro de 2011

PARABÉNS UMARIZAL


No inicio do século XIX, no povoamento de Gavião já existiam muitas casas, grandes fazendas uma abrangente atividade rural. A povoação continuou crescendo à margem do riacho Gavião, por onde passava uma estrada que servia de caminho para os comboios que saiam da Paraíba com destino a Mossoró. Em 1894, a localidade ganhou seu primeiro açude.

No ano de 1902, o arrumado que continuava em progresso já tinha cemitério e a capela do Sagrado Coração de Jesus. Por decisão da Intendência de Martins, em 1925, o nome do povoado foi mudado para Divinópolis. Em 1943, estava em fortalecimento econômico, e teve seu nome outra vez mudado, passando a se chamar Umarizal, numa referencia á grande quantidade de umarizeira existente na região, que consegue, mesmo em período de estiagem, molhar o solo debaixo de sua copa com gotejamento, sendo conhecida como a arvore que verte água.

No dia 27 de novembro de 1958, pela Lei nº 2.312, Umarizal desmembrou-se de Martins e tornou-se um novo município potiguar. Vegetação: Caatinga Hiperxerófila vegetação de caráter mais seco, com abundancia de cactáceas e plantas de porte mais baixo e espalhado. Entre outras espécies destacam-se a jurema preta, mufumbo, faveleiro, marmeleiro xique-xique e facheiro.

A Cultura em Umarizal é conhecida pela sua diversidade significante, pois é rica em cultura popular com manifestações culturais como: grupo de teatros, poetas, poetas cordelistas, repentistas, artesanato, grupos musicais, culinaristas e contadores de historias.


FONTE: blog Umarizal em Dia

0 comentários

Postar um comentário